A mulher de um tenente-coronel do Exército de Porto Velho é suspeita de matar o filho de 1 ano a tiros com a arma do marido e cometer suicídio nesta quarta-feira (28), segundo a 17ª Brigada do Exército o Exército.

Os corpos de mãe e filho foram encontrados em casa durante a tarde, quando o marido estava trabalhando. Everton Scilla, que é chefe da 1ª Seção do Estado-Maior da 17ª Brigada de Infantaria de Selva, foi hospitalizado após ser informado sobre as mortes.

O oficial entrou em estado de choque e está internado no Hospital de Guarnição de Porto Velho.

O crime ocorreu por volta das 11h, segundo o Exército, dentro de uma casa na Vila Militar do Exército, na Avenida Farquar. Anne Caroline Monteiro Luciano, de 30 anos, e a criança foram encontradas já sem vida por vizinhos após o meio-dia.

 
Homicídio seguido de suícidio aconteceu dentro da Vila Militar (Foto: Toni Francis/G1)
Homicídio seguido de suícidio aconteceu dentro da Vila Militar (Foto: Toni Francis/G1)

Os corpos da mãe e do filho foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) da capital para passar por perícia.

Em nota, o comando da 17ª Brigada Militar lamentou as mortes e disse que se solidariza com a família e está prestando apoio necessário ao militar.

Procurada, a Polícia Civil informou que a casa onde os corpos foram achados passou por perícia pela Politec.


Fonte: G1

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here