Servidores da Educação decidem em Assembleia cumprir Liminar que pede o retorno de 70%

O restante dos 30% continuará a se manifestar na Praça dos Pioneiros

144122109052

O SINTERO-Sindicato dos Trabalhadores em Educação realizou na segunda-feira, (31) uma assembleia, onde os servidores concordaram em obedecer a liminar que pede o retorno de 70% dos servidores paralisados.
Segundo o Desembargador, Roosevelt Queiroz Costa, cada cargo deve obedecer a esse percentual imposto, com pena de multa, que vai até o valor de R$ 5 mil à R$ 50 mil por dia pelo descumprimento.

O restante dos 30% continuará a se manifestar na Praça dos Pioneiros em frente à prefeitura. De acordo com o sindicalista Alan Duarte, o sindicato entrará agora com a defesa da categoria mostrando as reivindicações dos trabalhadores e a desigualdade de salários. “o símbolo da justiça é uma balança, um Juiz tem que ouvir os dois lados da história, para então poder julgar com justiça ambos os lados, peço paciência e calma pois a luta continua”. Declarou Alan.

 

Fonte: Diariodaki

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here