Cid Moreira fez seu primeiro pronunciamento público desde que iniciou uma batalha judicial contra seus dois filhos, Roger e Rodrigo Moreira. O apresentador de 93 anos negou as acusações de que estaria sendo mantido em cárcere privado pela mulher, a jornalista Fátima Sampaio.

“É muito triste isso que está acontecendo, porque eu considero a Fátima um presente de Deus. Por várias vezes, em igrejas pelo país, no qual sou solicitado, eu falo que pedi uma mulher e realmente consegui uma mulher e esse pessoal não está gostando disso. Não sei qual o intuito”, disse.

No processo movido pelos herdeiros do apresentador, entre tantas solicitações, Roger e Rodrigo Moreira pedem a interdição do pai. Eles alegam que o mesmo sofre com “sinais de demência” e vem sendo controlado pela mulher. 

“Eu sempre lutei, estou chegando aos 94 anos, e vou continuar lutando até morrer para ter domínio sobre as minhas coisas, e não admito, de jeito nenhum, interferência de ninguém”, afirmou o apresentador, em resposta ao que tem sido dito pelos filhos.



Fonte: R7

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here