BRASILEIRÃO: Corinthians aumenta diferença do Atlético-MG e Robinho salva Palmeiras no Choque-Rei

Nas outras partidas do dia, o Vasco venceu o Flamengo, enquanto a Ponte Preta surpreendeu o Atlético-PR. Santos bateu o Internacional

Campinas, 27 (AFI) – Será difícil alguém conseguir tirar o título do Corinthians. Na tarde deste domingo, o Timão se isolou ainda mais na liderança ao vencer o Figueirense pelo placar de 3 a 1. A diferença agora é de sete pontos para o Atlético-MG, segundo colocado, que acabou empatando, por 2 a 2 com o Joinville. Ambas as partidas foram válidas pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Ainda neste domingo, o Palmeiras buscou um empate diante do São Paulo, por 1 a 1, nos minutos finais do duelo no Morumbi. O gol foi novamente de Robinho, por cobertura, em Rogério Ceni. No clássico carioca, o Vasco confirmou a reação, ao bater o Flamengo, de virada, por 2 a 1.

QUEM PEGA O LÍDER?
O Corinthians mostrou sua força novamente. Mesmo fora de casa, no Orlando Scarpelli, derrotou o Figueirense por 3 a 1, aumentando para sete a diferença do Atlético-MG. Agora, Timão soma 60 pontos, contra 53 do Galo, que acabou empatando com o Joinville por 2 a 2.

0002050117264_img

Joinville e Figueirense seguem na zona de rebaixamento e com poucas chances de escapar da queda. O primeiro é o lanterna, com 24 pontos, e já não vence há oito rodadas. Já o segundo vem de sete tropeços seguidos e fica na 18ª colocação, com 28. Primeiro fora do descenso, o Goiás soma 31.

BRIGA PELA LIBERTADORES
São Paulo e Palmeiras disputavam uma vaga direta na zona de classificação à Copa Libertadores da América. Os comandados de Marcelo Oliveira conquistaram o empate, 1 a 1, nos minutos finais da partida, em mais um gol de Robinho por cobertura em Rogério Ceni. Por outro lado, o clube tricolor aumenta a invencibilidade diante do rival, que dura desde 2002.

Com o resultado, o Palmeiras segue no G4, com 45 pontos, na quarta colocação. O São Paulo é o sexto, com 43. Em sétimo aparece o Flamengo, com 41, que acabou perdendo o clássico para o Vasco, de virada, por 2 a 1.

O Vasco vem confirmando a reação e está cada vez mais perto de deixar o descenso. A situação ainda é delicada, pois está na penúltima colocação, com 26 pontos, a cinco do Goiás.

PEIXE E MACACA NA FRENTE
O Santos aproveitou que o Internacional usou um time misto, visando a Copa do Brasil, e buscou a vitória. Mas quem saiu na frente foi o time gaúcho, com Valdívia, de pênalti, aos 28 minutos. O empate santista saiu com Marquinhos Gabriel, aos 36 minutos. No segundo tempo, Gabriel, de pênalti, virou o placar aos 14 e Leandro completou o placar aos 44 minutos.

Em Curitiba, a Ponte Preta também soube aproveitar vários desfalques do time da casa e mostrou eficiência. O destaque ficou para Biro Biro que marcou os dois gols da quarta vitória seguida do time paulista, que antes tinha batido o Santos, por 3 a 1, o Goiás, por 2 a 1 e o Fluminense por 3 a 1. O gol atleticano foi anotado por Bruno Mota.

GRÊMIO ENCOSTA
A noite deste sábado foi de gols bonito em Porto Alegre na vitória por 3 a 1 do Grêmio contra o Avaí na Arena Grêmio, pela 28ª rodada do Brasileirão. O meia Giuliano desencantou e marcou duas vezes, enquanto o jovem Maxí Rodríguez marcou um golaço em Vagner. No outro jogo, o Fluminense não teve dificuldades para vencer o Goiás por 2 a 0 no Maracanã.

O placar levou o Grêmio aos 51 pontos e manteve o clube gaúcho com uma folga na zona de classificação à Libertadores. Agora, o time de Roger está apenas a um do Atlético-MG, que tem 52, e seis do líder Corinthians, com 57. Do outro lado, o Avaí descontou com o atacante André Lima, ex-São Paulo, mas não conseguiu evitar a derrota, permanecendo com 32 pontos.

No Rio de Janeiro, dentro do estádio do Maracanã, o atacante Fred desencantou e voltou a marcar gols com a camisa do Fluminense. Na vitória contra o Goiás, o clube carioca chegou aos 37 pontos, mas ainda muito distante da briga por uma vaga na Libertadores.

Não vencia há oito jogos, justamente, no returno, e agora quebrou o jejum. É a primeira vitória do técnico Eduardo Baptista, que estreou perdendo para a Ponte Preta, por 3 a 1, em Campinas. Do outro lado o verdão goiano se manteve com 31 pontos e pode entrar na zona de rebaixamento ainda nesta rodada.

NO FINAL DO DOMINGO…
No final do domingo, mesmo jogando boa parte do jogo com um homem a menos, o Cruzeiro não deu mole e, apoiado por seus torcedores, derrotou o Coritiba, no Mineirão pelo placar de 2 a 0, se afastando assim da zona de rebaixamento. Agora, soma 36 pontos na tabela de classificação.

O Coxa, que viu a arrancada ser interrompida, fica com 33 pontos, ainda fora da zona de rebaixamento, que conta com Chapecoense (31), Figueirense (28), Vasco (26) e Joinville (24).

Na Ilha do Retiro, o Sport derrotou a Chapecoense por 3 a 0 e se colocou novamente na briga pelo G4, mesmo na 10ª posição, com 40 pontos, a cinco do Palmeiras. Já o Verdão segue em cada livre, uma vez que não vence há nove rodadas.

 

Fonte: Agência Futebol Interior

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here