Rondônia alcançou a terceira maior geração de empregos na região Norte em 2019. O Estado abriu 3,4 mil novos postos de trabalho nas principais regiões produtivas. O saldo positivo foi puxado pelo setor de serviço, comércio e construção civil.

O presidente da Federação das Associações Comerciais e Empresariais de Rondônia (FACER) Francisco Hidalgo Farina, destaca que o desempenho da economia rondoniense é satisfatório e mostra uma tendência de crescimento. “Se a economia brasileira continuar com a retomada de crescimento, Rondônia vai se consolidar como um Estado sólido e promissor para a atração de novos investimentos”, destaca Farina.

O setor de serviço gerou a maior quantidade de empregos com 1,5 mil novos postos de trabalho com carteira assinada, crescimento de 1,8% com relação ao ano passado. O comércio empregou 860 novos funcionários (1,08% de aumento). Já a construção civil teve o maior crescimento percentual de 6,42%, num total de 729 novos empregos.

Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) do Ministério da Economia. Na região Norte, Rondônia ficou atrás apenas de Estados mais populosos como Pará (1º colocado com 13 mil empregos novos) e Amazonas (2º colocado com 11 mil empregos novos).

– DADOS GERAÇÃO DE EMPREGO

Rondônia em 2019

Contratações ……. 111.768

Demissões….. ……..108.331

– RONDÔNIA GEROU: 3.437 EMPREGOS

– SETORES QUE MAIS EMPREGARAM

Serviço ………………. 1,80% (1.503 novos empregos)

Comércio…………….. 1,08% (860 novos empregos)

Construção civil…… 6,42% (729 novos empregos)

Agropecuária………. 1,94% (272 novos empregos)

Indústria ……………. 0,69% (250 novos empregos)

– MUNICÍPIOS QUE MAIS EMPREGARAM

JI-PARANA…………… 990 empregos

ROLIM DE MOURA…869 empregos

VILHENA………………. 574 empregos

PIMENTA BUENO…… 460 empregos

JARU……………………..378 empregos

PORTO VELHO…………331 empregos

CACOAL……………….. 284 empregos

CACOAL………………… 284 empregos

OURO PRETO………… 205 empregos

ARIQUEMES………… -185 demissões



Fonte: Assessoria

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here