Mulher de 51 anos diz ter sido estuprada por conhecido, em RO

Crime ocorreu no fim de semana, mas vítima só fez denúncia na quarta.
À polícia, mulher diz que foi ameaçada de morte pelo suspeito.

Mulher de 51 anos diz ter sido estuprada por conhecido, em RO
Ilustrativa

Uma doméstica de 51 anos foi estuprada na zona rural do município de Alvorada D’oeste (RO), cidade localiza a cerca de 460 quilômetros de Porto Velho. Conforme relatou a vítima para a Polícia Civil, o abuso teria ocorrido no começo da noite de domingo (29) por um homem conhecido, mas como foi ameaçada de morte pelo suspeito ela só denunciou o crime nesta quarta-feira (1°). Ela foi fazer exame de corpo de delito em Ji-Paraná (RO).

Conforme a polícia, a vítima e o esposo estavam participando de uma cavalgada no distrito de Terra Boa, quando a doméstica teria deixado o evento e retornado sozinha para casa. Ao anoitecer, a mulher decidiu voltar ao local da cavalgada. No trajeto ela foi abordada por um homem de 48 anos, na Linha Zero, zona rural de Alvorada.

Segundo informações do boletim de ocorrências, o suspeito conhece a vítima e, durante a abordagem, teria perguntado sobre a localização do marido da doméstica. Quando a mulher informou que seu esposo estaria em Terra Boa, o homem se aproximou com uma corda e uma faca, fazendo ameaças à mulher.

O homem então obrigou a mulher a ir até a casa dele, onde tentou forçar que a vítima ingerisse bebidas alcoólicas. Segundo a polícia, o suspeito exigiu que doméstica tirasse a roupa e, sob ameaças de morte, cometeu o abuso sexual contra a vítima.

A mulher recebeu ameaças para que não denunciasse o estuprador, que teria exibido uma arma de fogo dizendo que a mataria se contasse do crime para alguém.

Durante a tarde de quarta-feira (1°), investigadores da polícia estiveram na residência da vítima para tratar de outro assunto, que não foi revelado pela polícia. Aproveitando a situação, ela resolveu contar a polícia sobre o abuso sofrido no domingo.

Policias compareceram à residência do suspeito, onde foram encontradas duas armas artesanais de calibre indefinido, três cartuchos de calibre indefinido e um cartucho de calibre 12, além dos documentos pessoais do suspeito, que continua foragido. A vítima foi até a cidade de Ji-Paraná para realizar exames de corpo de delito.

 

 

Fonte: G1

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here