Jovem de RO reconhece suspeito de 40 estupros e relata ter sido violentada

Mulher que trabalha em clínica de Ariquemes foi estuprada em agosto.
Preso na última sexta-feira (11) era procurado em cinco estados.

suspeito-de-estuprar-jovem-em-clinica-de-ouro-preto-e-preso-em-vale-do-anari345x230_38762aicitono_19uvpc6kv16cg1ft21jeq12mhimua

O foragido da Justiça que foi preso na última sexta-feira (11) em uma barreira policial no Vale do Anari (RO) foi reconhecido através de fotos por mais um estupro. Conforme a Polícia Civil, a vítima é uma jovem de 18 anos, violentada sexualmente por Célio Roberto Rodrigues no dia 27 de agosto dentro de uma clínica odontológica de Ariquemes (RO). O criminoso é suspeito de cometer mais de 40 estupros e era procurado em cinco estados.

Ao G1, o delegado regional, Renato Morari, relatou como a mulher fez o reconhecimento do suspeito. “Através de imagens encaminhadas por parte da Delegacia de Ouro Preto do Oeste sobre um possível suspeito de ter cometido caso parecido na cidade, entramos em contato com a jovem, que ao analisar teve convicção de que se tratava do mesmo homem”, afirma.

A vítima relatou à Polícia Civil que estava no local de trabalho quando, por volta das 10h, o homem chegou à clínica, se identificou como Marcos e teria dito que pretendia realizar uma manutenção dentária.

Porém, logo após fornecer um número para contato, Célio puxou a jovem pelo braço e anunciou o assalto. Ele não teria encontrado dinheiro no caixa e levou a jovem para uma sala nos fundos do estabelecimento e a estuprou.

Em Ouro Preto do Oeste, o criminoso também é suspeito de ter estuprado a funcionária de uma clínica odontológica. No município ele também teria cometido dois assaltos, um em uma loja de roupas e outro a uma farmácia.

Prisão
Célio Roberto Rodrigues foi preso em uma barreira da Polícia Militar na RO-133, na região do município de Vale do Anari, dirigindo uma caminhonete. Ele estava acompanhado de três mulheres, sendo que uma tinha um relacionamento com o criminoso.

No carro em que ele estava foram encontrados vários objetos pertencentes às vítimas de crimes cometidos por Célio. As mulheres foram ouvidas pelos policiais e, depois, liberadas.

Nesta segunda-feira (14) o criminoso foi transferido da Casa de Detenção de Ouro Preto para a Casa de Detenção Dr. José Mario Alves da Silva, o Urso Branco, em Porto Velho.

Estupro em Ouro Preto
Uma jovem de 23 anos foi estuprada no consultório odontológico onde trabalha na quinta-feira (10), em Ouro Preto do Oeste. O homem teria entrado no local para cometer um assalto e, ao não encontrar dinheiro, violentou a secretária em uma sala nos fundos do estabelecimento. A Polícia Civil informou que o criminoso é suspeito de cometer dois assaltos no município.

 

Fonte: G1

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here