Governo eleva a taxa de financiamento do BNDES para 7% ao ano

bndesO governo decidiu elevar nesta quinta-feira (24) a taxa de juros que serve de referência para os empréstimos do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social). O CMN (Conselho Monetário Nacional) aprovou o quarto aumento seguido da TJLP (Taxa de Juros de Longo Prazo), que passa de 6,5% para 7% ao ano. Esse é o maior nível desde setembro de 2006.
A nova taxa valerá para o período de outubro a dezembro. A TJLP é fixada no final de cada trimestre pelo CMN, que decide o percentual que valerá nos três meses seguintes. O aumento dessa taxa é parte do ajuste fiscal do governo federal, que pretende reduzir os gastos do Tesouro Nacional com subsídios de financiamentos feitos por meio do BNDES.
Depois de ficar estável em 5% ao ano durante os anos de 2013 e 2014, o conselho, formado pelo Banco Central e pelos ministérios da Fazenda e do Planejamento, começou a elevar o custo desses empréstimos.
As operações de crédito para as empresas têm sido afetadas pela alta dos juros e também pelas medidas de ajuste nas contas públicas. Segundo o Banco Central, as concessões para empresas no crédito livre caíram 1,6% no ano. A liberação de novos empréstimos com recursos controlados pelo governo recuou 21% em 2015.
Já os empréstimos do BNDES para investimentos, principal linha da instituição, tiveram queda de 25,9%. Nessa linha, a taxa média subiu de 7,2% para 10,4% ao ano em 12 meses, acompanhando a elevação da TJLP.

 

 

Fonte: ilustrado

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here