“Deadpool” é censurado na China devido a conteúdo violento

O novo filme de anti-herói estrelado por Ryan Reynolds teve sua exibição censurada no segundo maior mercado cinematográfico do mundo. A proibição de “Deadpool”, longa-metragem produzido pela 20th Century Fox a partir das HQs da Marvel, foi declarada pela Administração de Imprensa, Publicações, Rádio, Filmes e Televisão do país (SAPPRFT), que alegou ter tomado a atitude devido à violência, nudez e linguagem ofensiva contidas no filme.

As autoridades da China frequentemente trabalham com os estúdios de Hollywood para criar cortes especiais em filmes “R-rated” (que só podem ser exibidos a menores de 17 anos com o acompanhamento de pais ou responsáveis), mas, de acordo com o The Hollywood Reporter, isso não foi possível, uma vez que o corte das cenas violentas causaria problemas no enredo.
A Administração de Imprensa, Publicações, Rádio, Filmes e Televisão da China proibiu a exibição no país devido ao conteúdo violento (Divulgação).

A China não possui um sistema de classificação próprio, então cabe ao órgão responsável pela regulamentação da mídia, SAPPRFT, julgar se os filmes importados devem ou não ser consumidos pelos espectadores chineses de todas as idades.

Enquanto isso, ao redor do mundo, fãs aguardam com expectativa o lançamento do longa, cujo trailer foi o mais bem recebido durante a Comic Com do ano passado. Dirigido por Tim Miller, o filme protagonizado por Ryan Reynolds no papel do herói (ou anti-herói) mais boca-suja e autoconfiante da Marvel deve estrear nos cinemas brasileiros no próximo dia 11 de fevereiro. Confira o trailer oficial:

Fonte: POP

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here