Atlético-MG x São Paulo: duelo põe frente a frente nova hegemonia e recorde histórico

BBtbRzg

A vaga na semifinal da Copa Libertadores é o objetivo, mas Atlético-MG e São Paulo podem conseguir importantes feitos em suas histórias na competição. Quando pisarem no gramado do Independência, às 21h50 da noite desta quarta-feira (18), os clubes têm a chance de escreverem um novo passo nas hegemonias construídas. Os paulistas possuem a vantagem após vencerem o primeiro duelo por 1 a 0, no Morumbi, e jogam pelo empate. Os atleticanos precisam ganhar por mais de um gol de diferença.

Caso siga adiante, o Atlético-MG chegará à segunda semi em quatro anos, o que significa o melhor desempenho recente de um brasileiro no torneio continental. O último time do Brasil a estar duas vezes entre osquatro melhores em um curto intervalo foi o Santos, em 2011 e 2012. 

O feito pode “coroar” o momento atleticano e cravar o rótulo de equipe que aprendeu definitivamente como jogar uma Libertadores. Os mineiros estiveram no mata-mata em todas as edições desde 2013, ano em que conquistaram o título.

Já o São Paulo pode aumentar ainda mais o recorde de brasileiro que mais chegou à semifinal do torneio. O clube paulista já era dono da marca com nove classificações para a fase. O torcedor tricolor viu o time entre os quatro melhores da competição favorita em 1972, 1974, 1992, 1993, 1994, 1004, 2005, 2006 e 2010. Santos (8), Grêmio (7) e Inter e Palmeiras (6) estão logo na sequência.

Para seguir no torneio, os paulistas precisam “exorcizar” o fantasma de adversários brasileiros na Libertadores. A equipe tricolor caiu sete vezes seguidas quando encontrou rivais do mesmo país. Os tropeços foram diante de Grêmio, Fluminense, Cruzeiro, Internacional e o próprio Atlético-MG.

Para manter a vantagem e espantar o retrospecto ruim, o técnico Edgardo Bauza prega um São Paulo cauteloso no Intependência.

“Faltam 90 minutos difíceis. Não sabemos se classificaremos. O importante é que chegamos até aqui, quando muita gente pensava que não chegaríamos. E estamos entre os oito melhores. Agora tentaremos chegar entre os quatro. A partida não será fácil, mas tentaremos”. disse.

Já o Atlético-MG conta com a força no Horto para eliminar o adversário. Com o “caldeirão” lotado, os mineiros planejam até um “apitaço” para atrapalhar o rival. O objetivo é um só: deixar o time tricolor desconfortável.

“O importante é não deixarmos a equipe do São Paulo confortável no Independência. Temos que tirar o São Paulo da zona de conforto, saber que esta vantagem deles pode ser pequena e isso que nós, junto com a torcida, temos que fazer na quarta: tirar o São Paulo da zona de conforto e tentar desequilibrá-los psicologicamente para que a gente consiga aproveitar as oportunidades”, apontou o zagueiro Leonardo Silva.

FICHA TÉCNICA:
ATLÉTICO-MG X SÃO PAULO

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data: 18 de maio de 2016, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: André Cunha (Uruguai)
Auxiliares: Carlos Pastorino e Horácio Ferreiro (ambos do Uruguai)

ATLÉTICO-MG: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Erazo e Douglas Santos; Leandro Donizete, Eduardo, Cazares (Dátolo) e Patric; Clayton (Robinho ou Hyuri) e Lucas Pratto. Técnico: Diego Aguirre

SÃO PAULO: Denis; Bruno, Maicon, Rodrigo Caio e Mena; Hudson, Thiago Mendes, Kelvin, Paulo Henrique Ganso e Michel Bastos; Calleri. Técnico: Edgardo Bauza

 

 

Fonte: ESPN

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here