Os pais da estudante de Ciências Sociais, Bruna Borges, de 19 anos, que cometeu suicidio ao vivo pelas redes sociais na tarde da ultima quarta-feira, 26, em Rio Branco, foram encontrados mortos na tarde desta sexta-feira, 28, em uma das casas localizadas na Vila Militar, próximo ao Pronto Socorro de Rio Branco. As autoridades acreditam que eles tenham tirado a própria vida.

De acordo com informações da Policia Militar , o subtenente do exército Marcio Brito, pai da estudante, e a esposa Claudineia Borges, que foram encontrados enforcados na garagem da residência. A policia civil, militar e o Corpo de Bombeiros foram acionados para acompanhar o caso. O Instituto Médico Legal está no local.

Ainda nesta sexta, às 15 horas, o comandante do 4o BIS, Cel. Wellington Vallone, deve conversar com a imprensa na sede do batalhão. Nenhuma informação preliminar foi repassada à imprensa.

Ao que tudo indica os pais de Bruna Andressa Borges, o subtenente do exército Marcio Brito,e a esposa Claudineia Borges, teriam cometido suicídio. Eles foram encontrados mortos na tarde desta sexta-feira, dia 28, dentro da casa deles, localizada na Vila Militar da Rua Dom Bosco, em Rio Branco (AC).

Ainda nesta sexta, às 15 horas, o comandante do 4o BIS, Cel. Wellington Vallone, deve conversar com a imprensa na sede do batalhão. Nenhuma informação preliminar foi repassada à imprensa. Equipes da Polícia Técnica estão no local, para fazer a retirada dos corpos.

Informações extraoficiais dão conta que o casal foi encontrado no mesmo lugar em que Bruna Borges, a filha deles, cometeu suicídio na última quarta-feira. naquele dia, Bruna transmitiu toda a cena ao vivo, pelo Instagram. Ele foram encontrados enforcados com cordas no pescoço.

 


Fonte: Ac24horas

Comente esta postagem via Facebook
COMPARTILHE

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here