WWE tem uma longa tradição de transformar seus lutadores mais populares em estrelas de cinema. O lendário Hulk Hogan foi um deles, assim como Dwayne Johnson, e agora, John Cena. Mas no caso deste último, demorou para ele concordar com este conceito.

Entre 2012 e 2013, Cena atacou duramente Dwayne Johnson, o chamando de “vendido” por ter deixado o WWE e seus fãs para trás para se tornar um astro de Hollywood. E agora que ele mesmo se encontra na mesma posição, compreende melhor a decisão feita pelo antigo The Rock, e se diz arrependido das críticas que fez.

Em uma sessão de perguntas e respostas com os fãs (via The Sun), Cena admitiu que julgou o ex-colega apressadamente e se retratou pelas coisas que disse:

“Foi estupidez da minha parte. Realmente foi. Essa era minha perspectiva na época. Eu disse algumas coisas que não foram nada legais. Ele disse algumas coisas que não foram nada legais. E eu posso te assegurar, no nosso ramo de trabalho, há uma área cinza onde a imaginação se torna muito real, e nós estávamos bem no meio daquela área cinza, um vigiando cada movimento do outro e nada felizes com o outro lado.”

John Cena tem ganhado cada vez mais destaque no cinema nos últimos anos. Entre seus próximos trabalhos estão filmes bastante aguardados pelo público, como Velozes e Furiosos 9 e O Esquadrão Suicida.



Fonte: legiaodosherois

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here