O ex-deputado estadual Marcos Antônio Donadon foi preso, no final da tarde desta sexta-feira (8), em Porto Velho. Ele estava foragido desde abril de 2016 e foi capturado por policiais do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público de Rondônia, e da Polícia Federal (PF). O político é acusado de desviar dinheiro da Assembleia Legislativa.

Após a prisão, o MP-RO confirmou que a prisão de Donadon ocorreu na casa dele, na capital. Segundo a assessoria do órgão, apenas na segunda-feira (11) o chefe do Gaeco se pronunciará sobre o caso.

Segundo a nota do MP-RO, em março de 2016, com base no atual entendimento do STF, o MP requereu e obteve a expedição de mandados de prisão definitiva contra os condenados na Operação Dominó, sendo assim deflagrada a Operação Hefesto para os cumprimentos.

Conforme o GAECO, em abril deste ano, eles localizaram e prenderam a ex-deputada Ellen Ruth Cantanhede Salles Rosa.

Marcos Donadon continuou sendo procurado e a PF seguiu com diligência, prendendo Marcos Donadon nesta sexta-feira.

G1 tentou localizar o advogado de Marcos Donadon, mas até a publicação da reportagem não teve sucesso.

Operação Dominó

A operação Dominó foi deflagrada em 2006 para investigar desvios na Assembleia Legislativa de Rondônia e culminou na prisão de 20 pessoas ligadas aos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário.

De acordo com o MP-RO, estima-se que R$ 70 milhões foram desviados em contratos fraudulentos. Os acusados foram julgados em 2008, mas recorreram do processo, adiando a execução provisória condenatória expedida pelo Tribunal de Justiça de Rondônia.


Fonte: G1

Comente esta postagem via Facebook
COMPARTILHE

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here