Braço sindical do PT, a CUT (Central Única dos Trabalhadores) assina carta endereçada ao presidente Jair Bolsonaro. Nela, as seis centrais sindicais apresentam-se a Bolsonaro “com a disposição de construir um diálogo em benefício dos trabalhadores e do povo brasileiro”.

As centrais manifestam preocupação com “certa retórica liberal” de setores do novo governo que “falam em descarregar todo o ônus do ajuste fiscal nas costas dos trabalhadores e aposentados”.

Secretário-geral da Força Sindical, João Carlos Gonçalves, o Juruna, diz que as seis maiores centrais sindicais brasileiras estão buscando um canal de diálogo com o presidente Jair Bolsonaro, conforme ele afirmou no Congresso Nacional, “para assim buscarmos soluções para os problemas que afligem a classe trabalhadora, como o desemprego, os trabalhos precários e a reforma da previdência”. Com informações da Folhapress. 


Fonte: Notícias ao minuto

Comente esta postagem via Facebook
COMPARTILHE

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here